A Auriculoterapia nos processos de Cura

A Auriculoterapia é um dos muitos microssistemas existentes em nosso corpo, onde se encontram pontos específicos de órgãos e regiões do corpo humano. Estimulando esses pontos promovemos uma cascata de benefícios ao organismo.

Mas o que é um microssistema

Um microssistema nada mais é que uma parte que representa o todo, o que existe no micro existe no macro e vice e versa, um universo dentro de um universo. Em nós seres humanos os microssistemas são áreas ou pequenas porções onde se encontra uma representação fiel de nosso corpo por inteiro.

Geralmente os microssistemas estão localizados em regiões ricas em terminações nervosas, e estas são porções distais dos nervos, com função de contatar os órgãos periféricos ao sistema nervoso central (SNC). Recebem o estimulo (informação) e enviam ao SNC atingindo o cérebro onde o estímulo será interpretado.

O resultante disso são diferentes formas de respostas fisiológicas (sensíveis ou motoras). Estabelecem contato com fibras nervosas de órgãos propriamente ditos e com órgãos efetuadores (músculos e glândulas).

A reação em cascata ocorre quando o cérebro identifica a área que está sendo estimulada e envia componentes intrínsecos naturais do organismo para órgãos ou para regiões que estão sendo trabalhadas.

Algumas das substâncias conhecidas envolvidas nesse processo

  • Endorfina = neurotransmissor que alivia as dores.
  • Encefalina = neurotransmissor semelhante a morfina.
  • Serotonina = neurotransmissor que é usado em situações de ansiedade e etc (hormônio do bem estar)
  • Histamina = neurotransmissor regula também as funções intestinais.
  • Prostaglandinas = são derivados de ácidos graxos tem ação antiinflamatória e imunológica.

Mas e a Auriculoterapia?

A Auriculoterapia como já disse é um microssistema e a estimulação de seus pontos promove tudo isso que você caro leitor(a) acabou de ler. Existe na orelha a representação de um feto, com todos os órgãos e regiões do corpo, pontos como:

  • Cérebro
  • Fígado
  • Coração
  • Estomago
    Baço/pâncreas
  • Pulmão
    Intestino grosso
  • Rins
  • Coluna
  • Joelhos
  • Cotovelos
  • Pés e Mãos
  • Braços e Pernas
  • Pontos ligados ao emocional
  • E muitos outros…

A orelha é riquíssima em terminações nervosas, e a colocação de agulhas ou sementes em seus pontos faz com que o cérebro fique ligado, atento no ponto ou pontos que estão sendo estimulados.

O estímulo no ponto do pavilhão auricular, faz com que o órgão ou região correspondente receba um “pacote” de componentes benéficos para a recuperação do equilíbrio ou saúde como queiram, promovendo assim uma grande oportunidade para que os eventos de cura aconteçam.

As dores são diminuídas ou sanadas, os processos inflamatórios cessam, a circulação é ativada, levando junto com o sangue o oxigênio e nutrientes que beneficiarão o tecido, levam também células de defesa e ou reconstrução, acalmam processos mentais que se encontram desarmônicos, entre outros benefícios.

 

A Auriculoterapia é uma técnica completa, eficaz e simples, sem dúvida uma grande aliada nos processos de cura, promovendo bem estar físico, emocional e porque não espiritual, já que não podemos nos enxergar como partes separadas, mas sim diferentes manifestações do todo.

Quer saber mais sobre a Auriculoterapia clique aqui

 

image (1)

 

Anderson B. Alonso

Fisioterapeuta, Massoterapeuta, Acupunturista, Terapeuta Holístico e Reikiano nível 3A, é criador do blog Visão Holística, trabalha com Terapias Complementares desde 2008.

Be the first to comment on "A Auriculoterapia nos processos de Cura"

Deixe uma resposta